AS TERRAS DA RAINHA ELIZABETH


**Sugestão: Escute a Lista do Spotify da Inglaterra

A Inglaterra, país que faz parte do Reino Unido, é um dos destinos mais procurados do mundo. Especialmente, sua capital: Londres recebe pessoas de todos os continentes. As ruas londrinas são como a torre de Babel, onde é possível escutar milhares de idiomas diferentes. Isto, porque a capital inglesa é uma das cidades mais cosmopolita do mundo, atraindo pessoas que buscam oportunidades de emprego ou apenas turistas que querem conhecer os atrativos da cidade.


#Pracegover: Foto. Ao fundo Big Ben. No canto esquerdo calçada com cabine telefonica tipica vermelha.

Tive a oportunidade de conhecer um pouco da Inglaterra, durante alguns meses em 2011. Vou contar um pouco da experiência nas terras da Rainha Elizabeth.

ENTRADA:

Atualmente, brasileiros que desejam viajar para a Inglaterra como turistas, necessitam apenas de Passaporte Válido. Porém, na chegada ao país na imigração é comum fazer uma série de perguntas para "aprovar" sua entrada no país. As perguntas são simples. "Onde você vai ficar?" "Quando tempo vai ficar no país?", "Quanto de dinheiro você traz?", "Qual o motivo da sua viagem?". Essas são perguntas padrões. Por isso, é recomendável levar cópias, como por exemplo da passagem de volta, algum comprovante de vínculo empregatício/de universidade no Brasil, cópias das reservas de hotéis ou uma carta, em caso de estar hospedado com algum parente ou amigo.

Talvez, você pode pegar um agente na imigração tranquilo e nem faça muitas perguntas, ou que exija comprovantes das suas respostas. Mas, é sempre bom ter essas cópias em mãos para não ter problemas.

CIDADES:

Durante os meses que estive na Inglaterra, morei em Londres e não viajei muito pelo país em si. Basicamente fui para Bath e Manchester. Mas, é muito fácil ir para outras cidades conhecidas como Liverpool, Cambridge, Oxford ou Brighton saindo da capital inglesa. Existem trens e ônibus que vão para estes lugares diariamente.

  • MANCHESTER: Cidade localizada ao norte da Inglaterra, muito conhecida pelos seus clubes de futebol: Manchester United e Manchester City. Na oportunidade, assisti uma partida do United no Old Trafford (estádio do Clube). Assistir uma partida do "Teatro dos Sonhos", como é conhecido o estádio do United, é uma grande emoção para qualquer amante de futebol. Você pode aproveitar para visitar Liverpool partindo de Manchester, já que a cidade dos Beatles fica a poucos Km de lá.


#Pracegover: Foto do interior do Old Trafford. Arquibancadas com cadeiras vermelhas, quase todas vazias. Campo no centro.

  • BATH: É uma cidade de pouco menos de 100 mil habitantes, que fica a cerca de 2h de carro de Londres. O Centro Histórico da cidade foi declarado patrimônio histórico da UNESCO. Colonizada pelos romanos, o local possui grandes influências dos mesmos. A cidade é muito conhecida pelas águas termais e também pelo fato da escritora Jane Austen ter passado parte de sua vida lá.


#Pracegover: Foto Bath rio no meio da foto. No canto direito prédios com 2 ou 3 andares na margem e algumas árvores secas.

**No caminho para Bath, você pode visitar um dos sítios arqueológicos mais famosos do mundo Stonehenge. Inclusive, existem agências que fazem tours de bate-volta saindo de Londres para a pequena cidade de Bath em conjunto com o sítio arqueológico. Se quiser saber mais sobre Stonehenge veja este post (clique aqui).


#Pracegover foto de Stonehenge - circulo formado por pedras de cerca de 5m de altura

LONDRES: A capital da Inglaterra concentra tudo em uma cidade só. Tudo que você pensar pode encontrar em Londres. É uma cidade infinita, inteiramente cosmopolita, com várias opções de parques, museus, pubs. São atrações para todos os gostos. O sistema de transporte público funciona e muito bem. Tudo muito organizado e bem sinalizado. Costumo dizer que Londres é uma "São Paulo inglesa". Assim, como a capital paulista é comum a garoa durante o dia e o céu cinzento. Sempre muito cheia, com múltiplas possibilidades, porém com menos problemas estruturais que a cidade paulista.


#Pracegover: Foto Ao fundo Big Ben. Em primeiro plano simbolo do metro de Londres "Underground"

Samuel Jonhson disse a seguinte frase: "when a man is tired of London, he is tired of life;" (quando um homem se cansa de Londres, ele está cansado da vida). De fato, você pode passar a vida inteira em Londres que ainda não terá esgotado todas as possibilidades que a cidade proporciona. Mas, existe alguns clichês que precisam ser feitos, entre eles:

Palácio de Buckingham e a troca da Guarda

A tradicional troca da Guarda, acontece precisamente, às 11h no Palácio de Buckingham. Normalmente, acontece segundas, quartas, sextas e domingos. Porém, está sujeito a alteração devido ao calendário do exército britânico. Você pode conferir as datas no site do próprio exército (aqui). A cerimônia é sempre repleta de turistas que ficam abarrotados nas grandes do Palácio de Buckingham. O evento dura em média de 40 minutos e conta com a banda do exército.


#Pracegover: Foto guardas perfilados na frente do Palácio de Buckingham

Big Ben, Parlamento, London Eye e Abadia de Westminster

O Cartão Postal de Londres, o Big Ben, fica as margens do Rio Tâmisa ao lado de outra grande atração da cidade, a London Eye. Os atrativos ficam no centro de Londres, na chamada zona 1. Ali perto também está a Abadia de Westminster, onde são celebrados os casamentos reais. Estes lugares são paradas obrigatórias para todos que visitam Londres.


#Pracegover foto. Em primeiro plano rio Tamisa. No canto esquerdo London Eye. No canto direito Big Ben.

MUSEUS

Londres é a cidade dos museus, são inúmeros e com acervos inacreditáveis. O melhor de tudo a grande maioria são GRATUITOS. Ir para Londres e não visitar ao menos um museu é praticamente impossível. Entre os principais museus estão: British Museum, National Gallery, Science Museum, Museu de História Natural e Tate Modern. Porém, a lista é longa e dá pra passar o mês visitando cada dia um museu diferente.


#Pracegover: Foto da parte interna do British Museum. Grande salão branco, com escadas no centro

PARQUES

A cidade também é cheia de áreas verdes e grandes parques. É muito comum, principalmente no verão e primavera ver pessoas nos parques, caminhando, fazendo piqueniques, etc. Entre os parques mais famosos estão: Hyde Park, St. James Park e Regent's Park. Mas, são inúmeros e em vários pontos da cidade.


#Pracegover: Foto Parque. Ao fundo lago um pouco a frente uma árvore.

FUTEBOL

A Inglaterra é o país inventor do futebol. Os ingleses são fanáticos pelo esporte e Londres é uma cidade com vários times. Entre os mais conhecidos estão: Chelsea, Arsenal, West Ham e Tottenham. Então, assistir uma partida do campeonato inglês, ou visitar os estádios dos principais clubes também é algo muito popular entre os turistas. Principalmente, porque hoje a Primer League (a liga de futebol inglesa) é considerada a liga mais forte do mundo.


#Pracegover: Foto fachada do Estádio do Arsenal (Emirates Stadium)

Outros pontos:

Além destes pontos, vale a pena conhecer Greenwich, a região de Camden Town, St. Paul Cathedral, London Tower, Tower Bridge, Abbey Road. E é lógico não deixe de ir em um pub inglês.

DICAS:


  • OYSTER CARD em LONDRES: Para transporte público, existe um cartão chamado "Oyster". Ele é parecido com o sistema de bilhete único de SP. No qual, você pode usar para metrô e ônibus. Existem sistemas de compra de cartões para uso de uma semana. Existe o sistema de recarga também semanal ou mensal. Isto dependerá da quantidade de dias que ficará na cidade.

  • ROUPAS DE FRIO: No inverno, realmente é muito frio. Porém, não leve muitas roupas do Brasil. As roupas de frio são relativamente baratas e melhores para suportar o frio inglês.

  • CAPA DE CHUVA/ GUARDA CHUVA: Londres realmente chove com certa frequencia. Por isto, é bom ter na mala uma capa ou guarda chuva.

  • HOSPEDE-SE NA ZONA 1 OU 2: Londres é uma cidade muito grande, com muitas zonas. a Zona 1 é basicamente o centro da cidade, onde concentra-se grande parte das atrações. A zona 2 é um pouco mais residencial, e mais barata. Além disso, de metrô ou ônibus não é tão longe do centro. As zonas de 3 para frente já são muito longe. Além disto, o oyster tem valores de recarga também relativo a zona que você está, quanto mais longe do centro, maior será o valor da recarga.

  • CONFIRA AS AGENDAS DE SHOWS E EVENTOS: Antes de viajar para Inglaterra, veja se tem algum show de banda/cantor(a) que você gosta. Principalmente, Londres recebe shows com grande frequência. Além disto, vale a pena conferir se algum evento está acontecendo na cidade, já que as cidades inglesas são bastante ricas culturalmente e cheia de eventos.

  • DINHEIRO: A libra (pounds) é uma moeda muito cara e só pode ser usada no Reino Unido. Ou seja, se você incluir a Inglaterra no meio da sua eurotrip, lembre-se que além de euros, você precisará das libras. Vale a pena levar além de dinheiro em espécie ter um travel money ou um cartão de crédito internacional.

  • MÃO INGLESA: Os volantes dos carros, tráfegos e sistema de circulação é diferente do convencional que conhecemos. Por isto, se alugar um carro para dirigir na Inglaterra, fique atento. Também fique atento para atravessar as ruas. Inclusive tem escrituras nas ruas para olhar para o sentido correto. Já que o país possui muitos turistas que estão acostumados com outro sentido de circulação de carros.

#Pracegover: Foto da rua com escrito Look Right

ACESSIBILIDADE: No geral, a Inglaterra é um país bastante avançada neste quesito. Com leis que garantem a inclusão social e com as novas construções sempre com dispositivos para garantir a acessibilidade. Como o país possui muitos prédios e locais muito antigos, alguns locais ainda precisam de adaptações.

PRECONCEITOS: Em Londres, como existem pessoas de todas as partes do mundo, com diferentes credos, etnias e orientação sexual, existe maior diversidade e tolerância. HOMOFOBIA: Por exemplo, no centro da cidade existe o bairro de SOHO, no qual existe muitos pubs e locais frequentados pela comunidade LGBTQ+. Mas, ainda existe bastante conservadorismo em cidades menores. MACHISMO: Não vi durante a minha estadia descriminações diretas. Porém, o que percebi é que alguns ingleses e europeus em geral que moram em Londres, são desrespeitosos com relação as brasileiras. Considerando as como "mulheres fáceis". Não vi nenhum assédio direto, porém comentários entre grupos de homens eram até comuns.

RACISMO E XENOFOBIA: Durante minha estadia em Londres, fiquei numa casa de família de negros, provenientes da América Central. O pai de família me relatou vários casos de racismo que vivenciou em transporte público e na rua. Principalmente de pessoas mais velhas. O que eu percebi durante a estadia foi a rejeição ao povo muçulmano. Muitas vezes, quando muçulmanos entravam no metrô, você via pessoas se afastando ou até saindo do vagão.

#Inglaterra #Europa #Londres #futebol #museus #sitioarqueológico

CONHEÇA HUARAZ

O PARAÍSO NATURAL PERUANO

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • instagram_PNG11
  • Tumblr Social Icon
  • Spotify Social Icon

REDES SOCIAIS

Foto: Abrindo a Cabeça logo
Foto Leonardo Spagiani Paduan

ABRINDO A CABEÇA

  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round

DICAS DE VIAGEM, CULTURA, CURIOSIDADE DE DESTINOS TURÍSTICOS, HISTÓRIAS DE MOCHILÃO E MUITO MAIS