DICAS - ARGENTINA


**SUGESTÃO: Ouça Playlist no Spotify da Argentina(clique Aqui)

Continuando o projeto "Cabeça na Copa", vamos conhecer mais um país que vai participar do Mundial: a Argentina! A terra dos "Hermanos" possui uma diversidade de lugares e paisagens para conhecer. O país possui uma geografia contrastante, contando com: as altas montanhas da cordilheira do Andes; com as magníficas cataratas do Iguaçu; majestoso glaciais, lagos e bosques da Patagônia; praias no Atlântico; as serras de Córdoba ou Tierra del Fuego, com Ushuaia. E a Argentina possui muito mais contrastes de relevo que merecem ser conhecidos.

Vem comigo. Vamos conhecer um pouco mais da Argentina!


#Pracegover: Foto: Cordilheira dos Andes em Mendoza. Foto de Montanha com vários pontos cobertos de neve e céu meio acinzentado acima das montanhas.

ENTRADA:

Antes de conhecer o país, é importante verificar a documentação. Para ingressar na Argentina na condição de turista, brasileiros(as) devem apresentar passaporte ou RG. Outros documentos não são aceitos. Única ressalva é na região de fronteira que com a CNH (Carteira Nacional de Habilitação), que pode ser utilizada na região da Fronteira de Foz do Iguaçu com a Argentina. Se caso você for permanecer somente em Puerto Iguazú é aceita a CNH na aduana. Porém, sua entrada é válida em um raio de 50 km e por um período de 72 horas, passando disso e obrigatório estar portando a identidade ou o passaporte.

MINHAS EXPERIÊNCIAS NA ARGENTINA

Já estive 3 vezes em solo argentino. A primeira vez fiquei 1 mês no país, sendo a maior parte deste tempo em Córdoba, onde estudei espanhol. Além disto, tirei alguns dias para conhecer Buenos Aires. A segunda vez, foi uma passagem mais rápida, quando conheci as Cataratas do Iguaçu, aproveitei a oportunidade para conhecer a cidade de Puerto Iguazu. E a última passagem foi durante o Mochilão que fiz em 2016 pela América do Sul. Na oportunidade conheci Rosário e Mendoza.

CÓRDOBA

Segunda cidade mais populosa da Argentina, depois de Buenos Aires. Uma cidade grande cheia de jovens e Universitários que fica ao norte da capital. Córdoba foi fundada pela Ordem Jesuíta. A cidade possui muitos monumentos históricos preservados desde os tempos do colonialismo espanhol, especialmente os edifícios da Igreja Católica. O mais destacado é, talvez, o quarteirão jesuíta (Manzana Jesuítica) declarado, em 2000, Patrimônio Mundial pela UNESCO.


#Pracegover: Catedral de Córdoba foto. Primeiro plano calçada com algumas pessoas andando, com uma escada que leva a igreja. 3 grandes portões e duas torres.

Em torno da cidade também tem vários atrativos, a região da Serras de Córdoba tem pequenas cidades como Vila General Belgrano, Carlos Paz, La Cumbrecita e Alta Gracia que são muito interessantes para conhecer.

- Vila General Belgrano: A pequena cidade é composta por descendentes alemães, suíços ,austríacos, italianos,húngaros e espanhóis. A maioria das construções da cidade tem traços da arquitetura centro-europeia.


#Pracegover: Foto. Na frente calçada ao fundo Casa com estilo europeu. Detalhes em madeira e uma sacada no segundo andar. Parede branca. Atrás da casa algumas árvores de copa alta. Do lado do prédio uma placa escrito "Municipalidad Villa Gral. Belgrano"

- Carlos Paz: Entre os vários atrativos da cidade, o principal é o complexo das "Aerosilas" (teleférico). No topo do moro do teleférico é possível ver Carlos Paz inteira. É um excelente programa para o final de tarde, para ver o por do sol.

- La Cumbrecita: É um local de belas paisagens com rios e montanhas. São várias trilhas que levam para algumas pequenas lagoas, cachoeiras, cascatas e alguns mirantes. A região é bastante fria.


#Pracegover: No canto esquerdo homem de perfil sentado olhando para o horizonte. Ao fundo cadeia de montanhas. Céu azul com algumas nuvens.

- Alta Gracia: A charmosa cidade foi onde Ernesto "Che" Guevara passou sua infância. A família do revolucionário mudou-se para Alta Gracia, quando ele era ainda bebê em busca do ar puro e seco vindo das serras que cercam a região. O intuito era aliviar a asma que o acometia o pequeno Ernesto. A casa em que "Che" morou nos primeiros anos de vida virou um Museu e conserva peças e parte da história dele.


#Pracegover: Foto fachada casa do Che. Canto esquerdo mulher de costas com camera tirando foto da fachada da casa. No fundo a Casa (branca), com um pequeno muro na entrada com a estatua de um menino (Che) sentado. No canto esquerdo na parede da casa um poster com a foto de "Che" em preto e branco.

BUENOS AIRES

A capital argentina é muito procurada por brasileiros(as). Tem se tornado comum pacotes de viagens em finais de semana prolongados, ou cruzeiros com destino a cidade. Buenos Aires é parecida com várias cidades grandes do mundo, no que diz respeito a sua pluralidade. É possível encontrar de tudo, belos parques e aéreas verdes, Teatros, museus, monumentos e expressões culturais para todos os gostos. Os principais pontos da cidade são: Casa Rosada, Obelisco, Plaza de Mayo, Av. 9 de julio.


#Pracegover: Foto: Fachada da Casa Rosada.

ROSÁRIO:

Rosário possui cerca de 1,3 milhões de habitantes, sendo a terceira maior cidade do país. A cidade é berço de argentinos celebres como Ernesto “Che” Guevara, Lionel Messi, Marcelo Bielsa e Fito Páez. Rosário também é conhecida por ser um pólo universitário. Muitos estrangeiros, inclusive brasileiros, tem buscado cursar ensino Superior nas Universidades de Rosário. A cidade é bastante "viva", cheia de manifestações artísticas e culturais. Entre os principais pontos turísticos da cidade está o Monumento a Bandeira. Se quiser conhecer mais de Rosário, tem outro post aqui no blog falando só sobre a cidade.


#Pracegover foto em Preto e Branco do Monumento a Bandeira da Argentina. Na frente o Monumento e a Bandeira tremulando (bandeira único detalhe da foto colorido)

MENDOZA

Mendoza é uma cidade apaixonante, principalmente se você gosta de vinho. Próximo a divisa com o Chile e na região andina, o clima da cidade é bem frio e de poucas chuvas. A cidade tem belos parques e avenida muito arborizadas, além de ótimos restaurantes nos calçadões.


#Pracegover: Canto esquerdo rua com uma moto e carro passando. Parte central da foto um caminho com árvores dos 2 lados.

Os principais tours para fazer em Mendoza, na verdade são fora da cidade. Um deles é em Maipu, cidade vizinha onde encontram-se diversas vinícolas. Agências de turismo locais fazem o tour diariamente, além disso, você pode optar por pegar um ônibus até Maipu e andar de bicicleta pelo caminho das vinícolas.


#Pracegover: Foto em uma vínicola de Maipu. Várias fileiras de pés de uva.

Outro passeio muito comum entre os visitantes de Mendoza é o tour pelas montanhas da cordilheira dos Andes, inclusive a região é a porta de entrada do Parque do Aconcagua. Agências oferecem este tour diariamente e são feitas várias paradas ao longo da estrada.


#Pracegover: Foto em primeiro plano de uma placa escrita "Bienvenidos Parque Provincial Aconcagua". Ao fundo algumas montanhas com neve

PUERTO IGUAZU

A simpática cidade que faz fronteira com o Brasil e Paraguai, divide com Foz do Iguaçu uma das 7 Maravilhas Naturais do Mundo: As cataratas do Iguaçu. Sem dúvida a maior procura na cidade é para ver as cataratas, porém a cidade oferece outros atrativos como Casino, Bar de Gelo e alguns parques.


#Pracegover: Foto Cataratas do Iguaçu. Vista do lado brasileiro para Argentina. Ao fundo cataratas. Na frente dos 2 lados da margem do Rio Iguaçu (meio) vegetação verde cobrindo toda margem.

GASTRONOMIA

A culinária argentina é muito boa. Os principais pratos são sempre de carne e acompanhados com batata ou feitos a milanesa. Se você você visitar o país não deixe de comer: Choripan - Pão com um chouriço, geralmente temperado com chimichurri ou salsa criolla; Asado (churrasco) e Empanadas.

Já para a sobremesa são muito tradicionais as: medialunas, algo com doce de leite, sorvetes e os famosos ALFAJORES.


#Pracegover: Foto 2 embalagens de Alfajor. Embalagens roxas. Do lado esquerdo foto de um alfajor "mordido" de doce de leite. No lado direito foto de alfajor da bolacha oreo.

Já com relação a bebida, você pode experimentar as cervejas locais, entre elas a Quilmes é a mais famosa. Ou pode optar por tomar fernet (bebida alcoolica amarga) com Coca-cola que também é muito popular no país. Lógico, não deixe de provar alguns vinhos, especialmente na região de Mendoza.


#Pracegover Foto. De um lado Garrafas de vinho (2 no primeiro plano e outras 4 colocadas atrás). Do lado direito 3 taças, uma atrás da outra. A primeira com um pouco de vinho e as outras vazias.

FUTEBOL E RELAÇÃO BRASIL X ARGENTINA

O povo argentino é apaixonado por futebol. Em todas as cidades é comum, assim como no Brasil, ver camisas e adereços dos principais times do país em todos os cantos. O fanatismo é muito grande. Assim, visitar um estádio ou até assistir uma partida de futebol na Argentina é quase que obrigatório. Em Buenos Aires, os times mais famosos são River Plate e Boca Jrs. Mas, também tem times como Velez Sarsfield e San Lorenzo.


#Pracegover: La Bombonera - Estádio do Boca Jrs. Na foto Gramado do estádio na frente, no fundo arquibancadas em amarelo (primeiro anel) e azul anel superior.

Mas, a paixão pelo futebol pode ser vista em todas as cidades argentinas. Em Rosário, por exemplo, próximo dos estádios de Newell Old Boys e Rosário Central, muros e postes são pintados das cores dos times (vermelho e preto - Newell, azul e amarelo - Rosário). É possível sentir o clima do futebol, mesmo em dias que não tem jogos. Dá para ver que os argentinos respiram futebol.

#Pracegover 3 fotos. Primeira foto. Foto de muro de uma casa pintado de amarelo com os dizeres "Somos Canayas del Barrio Arroyito". Poste do lado do muro pintado de azul e amarelo (faixas). Segunda foto: Fachada do Estádio Gigante de Arroyito (Rosário Central). Alguns carros estacionados do lado de fora do estádio e algumas árvores secas também. Estádio na cor azul escuro. Terceira foto. Um outdoor do Newell Old Boys. 3 Jogadores com a camisa do time no canto esquerdo. E do lado direito uma foto do uniforme do time. Postes na frente do outdoor pintado com faixas pretas e vermelhas.

Este gosto pelo futebol foi um dos fatores que criou a "rivalidade" com o Brasil. Porém, nós brasileiros que temos maior cisma com os argentinos. Nossos "hermanos" são super receptivos e de nos tratam muito bem. Todas as vezes que estive na Argentina fui tratado muito bem e fiz grandes amigos por lá.

DICAS E CURIOSIDADES:

  • ÔNIBUS INTERMUNICIPAIS: Caso você faça alguma viagem intermunicipal de ônibus pela Argentina deixe separado alguns pesos para os "maleteiros". Nas rodoviárias tem pessoas responsáveis para pegar as malas no bagageiro e eles, normalmente, cobram 5 ou 10 pesos para isto.

  • SIESTA - Assim como na Espanha, é comum que tenha um período para o cochilo depois do almoço. A famosa "siesta". Em alguns lugares do país isto é levado muito a sério. Desta forma, não se espante de encontrar alguns lugares do comércio fechado, logo após ao almoço. Especialmente em Puerto Iguazu, lá as coisas abrem só de manhã e no final da tarde. Então, fique esperto(a) com os horários.

  • TANGO- Apresentações da dança são comuns na Argentina, especialmente em Buenos Aires. Há apresentações tanto nas ruas, quanto em casas de espetáculo. Não deixe de ver uma, nem que seja na rua. Afinal é de Graça.

  • FREE WALKING TOUR: As cidades maiores da Argentina possuem este tipo de tour, que você anda por uma região (normalmente o Centro) com um guia. Você não paga nada e no final paga como se fosse uma gorjeta.

  • VIDA CULTURAL: A Argentina tem uma vida cultural muito agitada e forte. São muitos teatros, lugares para exposições, museus, além de livrarias. Então, dê uma conferida na programação da cidade quando for visitar e quem sabe você encontra algum programa cultural bacana para complementar sua viagem.

QUESTÕES SOCIAIS:

Baseado nas minhas experiências e leituras sobre algumas temáticas vejo que a Argentina em termos de preconceitos e inclusão social tem muita coisa parecida com o Brasil. Embora, as (os) argentinas (os) que conheci em sua maioria tinham uma mente mais aberta, percebe-se um pouco de preconceitos nas ruas e na sociedade, em geral. O que percebo de diferente é que tem uma maior acesso e interesse da população em informar-se e usufruir dos mecanismos culturais.

ACESSIBILIDADE

A questão da acessibilidade na Argentina, parece que está um passo a frente do que no Brasil. Grandes cidades, principalmente, Buenos Aires, tem uma preocupação com esta questão. Inclusive existem guias turísticos com circuito "acessível". Nas cidades que conheci, aparentemente tem uma preocupação com a questão de rampas de acesso, porém, senti a falta de pisos táteis e outras adaptações em prédios públicos e privados. Muitos hotéis são mais antigos e não possuem condições adequadas para receber cadeirantes.

RACISMO

Na Argentina é muito difícil ver negros. Isto, em partes se deve a um fator histórico. Durante as guerras de independência, os escravos negros foram colocados na linha de frente das batalhas e eram os primeiros a morrer, sendo quase dizimados. O racismo como aqui no Brasil acontece em alguns aspectos.

HOMOFOBIA

A Argentina foi o primeiro país na América Latina a legalizar o casamento igualitário entre pessoas do mesmo sexo e a adoção por casais homossexuais em 15 de julho de 2010. O Movimento LGBTQ+ já teve mais conquistas na Argentina do que no Brasil. Porém, ainda existe sim preconceitos contra homossexuais.

MACHISMO

Esta questão é parecida com o Brasil. A ONU no final de 2016 emitiu um relatório dizendo que o país tem falhas significativas a proteção a mulher. Um dos movimentos que ganha força no país é o "Ni Una Menos", que iniciou com uma marcha contra o feminicidio que acontece no país. As mulheres tem conquistado vários direitos, entre eles a descriminalização do aborto.

#Argentina #AméricadoSul #museus #natureza

CONHEÇA HUARAZ

O PARAÍSO NATURAL PERUANO

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • instagram_PNG11
  • Tumblr Social Icon
  • Spotify Social Icon

REDES SOCIAIS

Foto: Abrindo a Cabeça logo
Foto Leonardo Spagiani Paduan

ABRINDO A CABEÇA

  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round

DICAS DE VIAGEM, CULTURA, CURIOSIDADE DE DESTINOS TURÍSTICOS, HISTÓRIAS DE MOCHILÃO E MUITO MAIS