3 MUSEUS PARA PASSAR O DIA EM LONDRES


O pensador inglês, Samuel Johnson, certa vez disse que “se você está cansado de Londres, logo você cansado da vida. Pois, a cidade tem tudo que a vida pode proporcionar.” A maioria daqueles que conhecem a capital inglesa devem concordar. Londres tem uma variedade incrível de atrações, pubs, parques e Museus. Você poderia passar um ano inteiro fazendo sem repetir nenhum programa em Londres.

Um dos principais atrativos das cidade são os museus. São muitos, de qualidade em a maioria gratuitos. Neste post vamos falar sobre três museus que ficam muito próximos, localizados na Exhibition Road. São eles: Victoria and Albert Museum, Science Museum (Museu da Ciência) e Natural History Museum (Museu de História Natural).


#Pracegover: Mapa de um pedaço de Londres com a indicação dos 3 museus.
COMO CHEGAR?

Como é possível ver no mapa, a distância entre os museus é mínima, por isso a explicação para um vale para todos. Londres é uma cidade que o transporte público funciona muito bem, obrigado! Você pode confiar no metrô e ônibus, pois são pontuais.

Metrô: A maneira, normalmente mais rápida para se locomover pela cidade é pelo metrô. (Underground). A estação mais próxima dos museus é a South Kesington (Linhas: District Line, Piccadily Line e Circle Line). A estação está aproximadamente 5 minutos de caminhada dos Museus.

Ônibus: Mas, se você prefere andar pela superfície para conhecer melhor a cidade, ou está hospedado em algum ponto que tem mais fácil acesso a ônibus, ou simplesmente porque gosta de busão mesmo. O seguintes ônibus 14, 49, 70, 74, 345, 360, 414, 430 e C1 param bem próximo da entrada dos Museus.

Se por acaso, você não confirmar nas informações ou tiver alguma dúvida sobre como chegar, ENTRE no site oficial Transport For London (clique aqui). Lá você pode tem mapa do metrô, rotas de ônibus e consegue até traçar suas rotas para os museus e para todos os pontos que quiser da cidade.

Victoria and Albert (V&A)
O V & A é o maior museu mundial de arte e design, que abriga uma coleção permanente de mais de 2,3 milhões de objetos que abrangem mais de 5.000 anos de história. O Museu possui um dos maiores recursos para o estudo da arquitetura, móveis, moda, têxteis, fotografia, escultura, pintura, jóias, vidro, cerâmica, artes do livro, arte e design asiáticos, teatro e desempenho.

#Pracegover pátio do Vitoria and Albert Museum. Ao fundo fachada do prédio, cheio de janelas.
A coleção de roupas do V&A é a maior encontrada na Inglaterra, contendo mais de 14.000 peças, além de acessórios, que vêm de 1600 até os anos atuais. A coleção de joias do V&A contém pouco mais 6 mil itens e é uma das maiores coleções de todo o mundo, incluindo peças que datam do período do Antigo Egito até os dias atuais, assim como desenho de designs de joias.

O Museu possui peças do renascentismo, modernismo, Europa de 1600 a 1815, art deco, art noveau e medieval. Além de ter coleções de artistas variados de Rodin a David Bowie. O museu tem 145 galerias, mas dada a sua vasta extensão das coleções, apenas uma parte está em exibição. No V & A também possui salas destinadas a performances teatrais e a National Art Library, sendo o maior acervo bibliográfico sobre artes finas e decorativas.

Informações Gerais:
Gratuito. Algumas exibições e eventos podem ter uma cobrança a parte.
Horário de Funcionamento: Diariamente das 10h às 17h45. Sexta-feira 10h às 22h. Exibições fecham 15 minutes antes do fechamento do museu.
Site oficial do V&A Museum (aqui).
SCIENCE MUSEUM
Atualmente, é um das principais atrações turísticas da cidade, com mais de 3,3 milhões de visitantes anuais (em dados de 2015), sendo o 6° museu mais visitado do Reino Unido. O Science Museum possui sete andares com exposições sobre diversos temas. Dentro do museu é possível ver carros, aviões, motores, maquetes de navios, além de outras invenções importantes da humanidade. As exposições do museu estão divididas por temas, dentro do museu você encontra aéreas sobre informática, mecânica, a evolução da medicina, telecomunicações e viagens espaciais. O museu também conta com espaços interativos, muito populares entre as crianças, que aprendem de forma lúdica sobre ciência.

#Pracegover Foto interior Science Museum. Galpão de exposição com Carros antigos e aviões. Aviões pendurados e carros no chão. Na parede do fundo no lado esquerdo modelos de Fusca "empilhados".
Informações Gerais:

Gratuito.

Horário de Funcionamento: Aberto Diariamente - 10h às 18h Site do Science Museum (aqui).

Natural History Museum
O Museu abriga cerca de 80 milhões de espécies de ciências naturais da Terra, e tem seus itens divididos em cinco coleções: botânica, entomologia, mineralogia, paleontologia e zoologia. O Natural History Museum é conhecido pelos seus famosos esqueletos de dinossauros e arquitetura românica. Dentre suas exposições mais valiosas estão espécies coletadas por Charles Darwin.
Ao longo de várias salas é possível observar esqueletos de dinossauro, além de algumas recriações de dinossauros em tamanho real. Nas salas da biodiversidade há tanto mamíferos (dissecados ou recriações) como fósseis. Também há exposições sobre a origem do planeta e universo e experiências interativas.

#Pracegover Fachada do Natural History Museum. Prédio com duas torres e no topo no Centro a bandeira da grã bretanha.
ATENÇÃO: A principal atração do Museu, o esqueleto do dinossauro "Dippy" - nomeado assim por ser da espécie diploco - está em tour pelo Reino Unido. Durante o período em que ele estará longe do museu, um molde de Dippy feito em bronze será exibido do lado de fora da instituição. O "dinossauro" só retornará para o Museu em 2020. Se você quiser acompanhar e saber por onde anda o Dippy, é só entrar no: http://www.nhm.ac.uk/take-part/dippy-on-tour.html

#Pracegover Foto vista de cima do Hall de entrada do Museu. Várias pessoas andando pelo espaço e ao centro esqueleto do Dinossauro "Dippy"
Informações Gerais:
Entrada Gratuita. Algumas exibições temporárias pode haver cobrança
Horário de Funcionamento: Diariamente das 10h às 17h50. Último horário para entrada 17h30. Fechado nos dias 24 a 26 de dezembro.
ATENÇÃO: O Museu possui 3 entradas. Cronwell Road, Exhibition Road e Queen's Gate. A entrada principal (Cromwell Road) estará fechada entre os dias 3 de janeiro e 1 de fevereiro de 2018. A Exhibition Road: Esta entrada fica próxima a Estação de Metrô South Kensington.
Site oficial do Museu (clique aqui).
TBT - O encantamento com Cada Museu.
Morei por alguns meses em Londres em 2011 e durante minha estadia nas terras da Rainha visitei muitos museus. Até mesmo, porque vários tem entrada franca. Os museus do post são incríveis e todos são surpreendentes, em cada galeria ou sala que entrava o encantamento era instantâneo. Até mesmo porque 7 anos atrás não haviam tantas informações em blogs de viagens. Assim, cada passo era uma surpresa, pois não sabia o que viria a encontrar em cada Museu. Gostei tanto deles que acabei voltando outras duas vezes e sempre reparei alguma coisa nova que não tinha visto nas outras vezes.
Vamos por partes. O Victoria e Albert Museum é um Museu incrível para aqueles que admiram arte em geral. Tem muitas salas com esculturas, quadros e peças de todas as épocas. São grandes salas e pátios com obras seculares e a riqueza artística da exposição te faz querer tirar fotos até acabar a memória de sua câmera e celular. Fico imaginando como deveria ser difícil visitar um Museu deste antigamente com rolo de filmes de no máximo 20 fotos.

#Pracegover Foto de uma das salas de exibição do Vitória e Albert Museum. Homem de pé no canto esquerdo e várias esculturas posicionadas esparsas pela sala.
O que mais me impressionou neste Museu foi a réplica do Davi de Michelangelo. Foi um verdadeiro choque. Entrar na sala e se deparar com uma escultura colossal. Por mais que seja apenas uma réplica, foi um momento de lembrar do período da Escola quando tinha aulas de História da arte e via esculturas e pinturas famosas. De repente estava ali de pé ao lado de uma réplica que pertenceu a Rainha Victoria, era algo impossível de acreditar.

#Pracegover Foto de uma réplica do Davi de Michelangelo.
Já no Science Museum me senti uma criança descobrindo e aprendendo sobre o mundo, através da história das diversas áreas do conhecimento e com as experiências interativas. Todos as sessões interativas estavam sempre cheias, de crianças e adultos.

#Pracegover foto pessoas ao lado de mesa interativa com uma representação de luzes da cidade ao centro
Todas as áreas são muito interessantes, mesmo se você não for do ramo das Ciências será uma experiência marcante a visitação ao museu. Cada sessão é muito bem detalhada e te faz querer conhecer mais sobre o assunto, dentro do Museu há sessões sobre história da matemática, comunicação, informática, transporte e até do espaço. Todas com muitos objetos reais e réplicas. O Museu de ciência tem vários automóveis e aviões expostos. Mas, o que mais me chamou atenção foi o carro de F1. O carro da McLaren do Mikka Hakkinen. Detalhe o carro que ele utilizou no GP da Alemanha de 1999 e bateu. Inclusive a ponta do bico do carro está quebrada. Apesar de não ser um grande fã de Fórmula 1, confesso que ao ver um carro deste na minha frente foi um tanto emocionante. Era como se transportar pra dentro da TV no domingo de manhã e estar ao lado daquele carro que era visto pelo mundo inteiro.

#Pracegover Foto carro de F1 com o bico quebrado. Modelo McLaren.
Já o Nature History Museum é colossal em todos os sentidos. Além do prédio ser imponente e ter uma arquitetura incrível, as suas exposições são também colossais já que dentro do Museu há fósseis, esqueletos de dinossauros e até um modelo de baleia azul.

#Pracegover: Foto modelo de baleia pendura ao lado de fósseis
Logo na Entrada Principal, a primeira surpresa. Dar de cara com o "Dippy", (esqueleto do Dinossauro). Nas salas ao lado do Hall principal também é cheia de fósseis e esqueletos de várias espécies de dinossauros. Pela entrada do Exhibition Road você entra no "Earth Hall", onde poderá observar um mapa celestial nas paredes, ver pedras lunares e passar por meio de uma escada rolante um globo gigante de metal.

#Pracegover: Foto pessoas observando exposição. Ao fundo esculturas e um globo de metal com uma escada rolante.
Os museus da Exhibition Road com certeza entraram para lista dos mais interessantes que já visitei. Se você for para Londres e tiver tempo coloque eles na sua lista de visitação. Além de ver coisas incríveis, é perto de outras atrações importantes da cidade como Hyde Park e Kensington Palace!

#Europa #Inglaterra #Londres #museus

CONHEÇA HUARAZ

O PARAÍSO NATURAL PERUANO

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • instagram_PNG11
  • Tumblr Social Icon
  • Spotify Social Icon

REDES SOCIAIS

Foto: Abrindo a Cabeça logo
Foto Leonardo Spagiani Paduan

ABRINDO A CABEÇA

  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round

DICAS DE VIAGEM, CULTURA, CURIOSIDADE DE DESTINOS TURÍSTICOS, HISTÓRIAS DE MOCHILÃO E MUITO MAIS