top of page
  • Foto do escritorLeonardo S. Paduan

MARIA FUMAÇA EM MG: VIAJANDO PARA O SÉCULO XIX

Atualizado: 27 de jan. de 2023


Quem disse que viajar no tempo não é possível? Certamente, esta pessoa não teve a oportunidade de embarcar na Maria Fumaça que faz o trecho de Tiradentes a São João Del Rei em Minas Gerais. Ao entrar no trem, você viaja para o século XIX.

HISTÓRIA DA FERROVIA:

No dia 28 de agosto de 1881 era inaugurada a Estrada de Ferro Oeste de Minas (EFOM) que contava então com as estações de Sítio, Barroso e São José del-Rei. Posteriormente, a EFOM ganhou novas estações. A ferrovia foi inaugurada por D. Pedro II. Nessa época, por onde passava o trem já despertava o interesse e a emoção dos moradores. Alguns historiadores chegaram a considerar a Estrada de Ferro Oeste de Minas como a primeira ferrovia do estado, já que as demais possuíam suas sedes no Rio de Janeiro.

A ferrovia de São João del-Rei possuía características bastante peculiares, que a tornaram muito especial. Sua bitola estreita, de 76 centímetros, a fez herdar o carinhoso apelido de "Bitolinha". Desde sua fundação, a ferrovia nunca parou de funcionar. Atualmente o único trecho ainda em funcionamento é o que liga Tiradentes a São João del Rei. Sendo que a Maria Fumaça só funciona com a finalidade de turismo.


FOTO: Maria fumaça

#Pracegover: Foto em Preto e Branco. No canto esquerdo estação de trem. Ao centro Maria Fumaça nos trilhos

O PASSEIO

O passeio é uma verdade viagem no tempo já que é feito em locomotivas e vagões centenários. Porém, vale ressaltar que todos são muito bem conservados. O trecho da ferrovia entre Tiradentes e São João Del Rei é de 12 quilômetros, com vista para a Serra São José e margeando o Rio das Mortes.


CURIOSIDADE: O rio foi cenário da Guerra dos Emboabas, onde havia capões de mato e fortificações em que os paulistas se escondiam. Embora, essa guerra tenha provocado muitas mortes, diz-se que o nome do rio deve-se ao fato de que muitas pessoas tenham morrido na tentativa de atravessar o rio a nado para não pagar o pedágio estabelecido por Tomé del Rei.


Vagão da Maria Fumaça

#Pracegover Foto homem de óculos escuros na janela de um vagão de trem.

O trecho é percorrido em aproximadamente 40 minutos. O ritmo da Maria Fumaça é bem lento, para você desfrutar da paisagem e do cenário bucólico. É mesmo para voltar no tempo e esquecer da correria do cotidiano e aproveitar do momento. Outra coisa, muito bacana é a receptividade do povo, tanto na saída de uma estação quanto na chegada na outra cidade, várias pessoas locais acenam para os turistas e desejam boa viagem. É um clima muito agradável e acolhedor. É inevitável também, ao longo do trajeto não lembrar do poema de Manuel Bandeira. Aquele mesmo do "Café com pão/ Café com pão/ Virge maria que foi isso maquinista?/ Agora sim/ Café com pão/ Agora sim/ Voa, fumaça/ Corre, cerca/ Ai seu foguista/ Bota fogo Na fornalha/ Que eu preciso/ Muita força".


#Pracegover Foto no lado esquerdo Maria Fumaça fazendo uma curva com algumas pessoas nas janelas dos vagões. No lado direito pasto e algumas árvores. Paisagem com um morro a frente.

DICAS: Caso você faça o passeio no sentido de Tiradentes para São João del Rei sente-se do lado DIREITO, caso contrário se sair de São João, sente-se do lado esquerdo. Assim, você poderá apreciar melhor a paisagem. Existem alguns vagões que tem bancos acolchoados, se subir rápido você pode escolher um destes e ter mais conforto durante a viagem. Outra dica é: em Tiradentes você pode assistir a "rotunda", que é a "virada do trem", feita manualmente pelos funcionários da ferrovia. É um espetáculo a parte e que sempre é cheio de espectadores.

MUSEU FERROVIÁRIO:

Na estação de São João del-Rei existe uma outra atração: o Museu Ferroviário. Inaugurado em 1981, ano do centenário da Estrada de Ferro Oeste de Minas. O acervo do museu conta com ferramentas, sinos, balanças, relógios, telefones, e outros objetos antigos, usados na ferrovia no Brasil e na região. Além disso como a primeira locomotiva da ferrovia, que transportou D. Pedro II. Tanto o museu, quanto tudo que faz parte do complexo ferroviário foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).


Foto interna do Museu ferroviário

#Pracegover foto parte interior do museu, no canto esquerdo alguns bancos. ao centro uma pequena plataforma com objetos. Ao fundo alguns paineis com fotos e história da ferrovia e no canto direito a primeira locomotiva da ferrovia.

ATENÇÃO: Você pode fazer o trajeto Tiradentes - São João del Rei, ou ao contrário. Depende de onde você esteja hospedado, ou da sua programação. Fique atento que existem horários de partida da Maria Fumaça que fazem o trajeto de ida e volta, outros que são apenas o trecho de ida. Por isto, ao comprar seu bilhete tire todas as suas dúvidas na bilheteria. Caso, você queira optar, ou só possa fazer o passeio em um horário que só permite a ida para outra cidade, fique tranquilo. Existem agências que fazem passeios nas cidades e fazem o trajeto contrário de van.

ACESSIBILIDADE

Uma notícia muito boa é que a Maria fumaça tornou-se mais acessível. Em 2017, o trem agora conta com um vagão modificado para facilitar o acesso de cadeirantes. A nova entrada e uma rampa nas estações tem facilitado a locomoção de pessoas com deficiência como também o acesso dos idosos.

INFORMAÇÕES GERAIS

PREÇOS:

Apesar de ser um passeio histórico e ter o seu charme, ele é um pouco "salgado". Veja os preços:

Inteira ida: R$ 60,00 | Inteira ida e volta: R$ 70,00 Meia ida: R$ 30,00 | Meia ida e volta: R$ 35,00 Entrada gratuita para crianças de 0 a 5 anos mediante apresentação de certidão de nascimento.


Meia entrada (50%) válida para: – Crianças de 6 à 12 anos mediante apresentação de certidão de nascimento; – Estudantes mediante apresentação da documentação de escolaridade e identidade com foto; – Pessoas acima de 60 anos apresentando documento de identidade com foto.

Estação São João del-Rei Rua Hermílio Alves, 366, Centro, São João del-Rei/MG, Brasil +55 (32) 3371-8485 Bilheteria: quinta a domingo a partir de 09h

HORÁRIOS DE PARTIDAS:

Quinta-feira: 10h e 14h

Sexta-feira: 10h/ 13h30/ 15h30

Sábado: 10h/ 13h30/ 15h30

Domingo: 10h e 13h30

Museu Ferroviário de São João del-Rei R. Antônio Josino de Andrade 366, Centro, São João del Rei/MG, Brasil Horários: quinta a sábado de 9h às 16h e domingo de 9h às 13h

Estação Tiradentes Praça da Estação s/nº, Tiradentes/MG, Brasil Bilheteria: quinta a domingo a partir de 9h

#Pracegover: Foto em Preto e branco. No lado direito estação de trem de Tiradentes. Na frente da foto os trilhos. No canto esquerdo a margem com algumas árvores.

HORÁRIOS DE PARTIDAS:

Quinta-feira: 11h30h e 16h

Sexta-feira: 11h/14h30/16h30

Sábado: 11h/14h30/16h30

Domingo: 11h e 14h30

**ATENÇÃO: O horário de saída das estações pode sofrer variações de acordo com feriados, ou por outros fatores. Então, vale a pena entrar no site da VLI (clique aqui), empresa responsável pelo passeio da Maria Fumaça, para conferir se na data da sua viagem tem alguma mudança inesperada.

875 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • instagram_PNG11
  • Tumblr Social Icon
  • Spotify Social Icon

REDES SOCIAIS

Foto: Abrindo a Cabeça logo
Foto Leonardo Spagiani Paduan
bottom of page