É mesmo azul a cor da Parede da Casa de Deus?


Eu não sei fazer poesia, mas que se foda, esta é minha homenagem para aquele que não usava Sapato. Assim, aqui estou na difícil missão de levar a você, uma mensagem que possa ser como uma luz ou um mantra. Alexandre Magno Abrão, ou Chorão era não tão complicado demais, mas nem tão simples assim. Você quer entender? Se você quiser entender, então, me deixa te explica, ou pelo menos, tentar explicar quem era Chorão. Ele não era o Senhor do Tempo, mas, sabia quando iria chover e tinha habilidade de fazer histórias tristes virarem melodia. Aquele que tinha o escritório na praia. Como todos os seres humanos era cheio dos vícios e virtudes, pelo seu comportamento polemico não era levado a sério por alguns. Vagabundo, batizado, favelado, muitas vezes culpado sem ser julgado, Chorão era do tipo que não se podia comprar com tapinha nas costas ou xaveco barato. Afinal se pudessem comprar já teriam comprado.

Tudo que ele pedia eram duas coisas “Não me pergunte o que é que eu quero da vida, o que é que eu quero da vida eu tenho sede de mais” e “não venha me rotular (...) descubra o que há de errado com você”. Ele não tentava ser perfeito e passava dias e noites, pensando no que tinha feito, foi um vencedor, lutou pelo que quis. Nunca sozinho, junto com os caras do Charlie Brown invadiram as cidades do Brasil e do mundo. A polícia dizia que ele causava muito distúrbio, o repórter queria saber por que ele se drogava. Alguns falavam que ela era louco e cantava mal que não prestava e era um marginal, não tinha educação, que só falava palavrão e que pra socialite não tinha vocação. Sei que isso tudo é verdade, mas quem pode lhe julgar? Afinal estamos aqui pra aprender não pra julgar. Aliás, Chorão foi um grande professor, através da sua rima ele dizia tudo.

Ele ensinou que temos que viver nossos sonhos, pois temos tão pouco tempo. Que aquela que parece inofensiva pode te dominar. Também aprendemos com ele que um homem quando esta em paz não quer guerra com ninguém, que as vezes fazemos o que queremos, mas as vezes fazemos o que tenho de fazer. Ele me ensinou a nunca desistir nem ganhar, nem perder mas procurar evoluir. Ele até contou que o segredo do sucesso está no sino dourado.

Chorão não tinha medo de expor seu pensamento e fazia críticas a sociedade e aos políticos ele dizia: “Os bandidos de verdade tão em Brasília tudo solto”, e alertava “foi você quem coloco eles lá mas eles não estão fazendo nada por vocês.” Além de ensinar e de sua consciência política, Chorão sempre foi um questionador do inquestionável. Entre suas questões estavam: Que mundo é esse que ninguém entende um sonho? Que mundo é esse que ninguém sabe mais amar? Como tudo deve ser? Diz aí Rubão, você sabe me dizer: Qual é o sentido da vida? Aí ladrão essa é a única alternativa? Se não eu, quem vai fazer você feliz?

Um poeta, um cantor, um filosofo, um vagabundo, skatista, um ícone dessa geração, inspiração para muitos foi embora. Há exatos 4 anos atrás, eu pensei hoje eu acordei feliz, com vontade de sorrir mostrar os dentes, pensei “hoje ninguém vai estragar meu dia”. Mas, as coisas mudam sempre, a vida não é só como eu espero, logo recebi uma história de amargar. Chorão foi ter seus dias de Glória lá no Céu Azul. Difícil vai ser não lembrar daquele que nunca esqueceremos, afinal o que é bom dura tempo o bastante pra se tornar inesquecível. Você deixou saudades!


#PracegoVer Foto em preto branco. No lado esquerdo a frase "O que é bom dura tempo bastante pra se tornar inesquecível". No lado direito, Chorão com um boné e microfone na mão.

Se hoje pudesse trocar uma idéia com Deus, eu iria perguntar pra Ele porque teve que TE LEVAR daqui. Iria falar pra Ele. Sabe o Chorão?

Deixe viver, deixe ficar Deixe estar como está Deixe viver, deixe ficar Deixe estar como está

Chorão, naquele 06 de março de 2013 você fez muitos segurarem as lágrimas ou não, pois não queria demonstrar a emoção. O que todos queriam era te ver cantar mais uma vez, nem que seja Só por uma noite. Porque só de ouvir tua voz você já fazia muitos se sentirem bem. Se “Aqui só ganha quem supera a morte”, parabéns Chorão...você superou a morte, se eternizou nos versos, mente e coração de milhares de fãs. Com suas letras eternas, você provou que não existem distâncias pro seu novo mundo. Obrigado por ter dedicado o Dom que Deus te deu a nós. Continua aí em cima na Atividade. E hoje você descobriu que é mesmo azul a cor da parede da casa de Deus? Muito Obrigado, Alexandre Magno Abrão. Eterno Chorão! Músicas citadas: Papo Reto, O preço, Não Uso sapato, Não é sério, Zoio de Lula, Só os Loucos Sabem, Só por uma noite, Longe de você, Tudo que ela gosta de escutar, Charlie Brown, Como tudo deve ser. Quinta feira, Céu azul, Lugar ao Sol , Senhor do Tempo, O coro vai come, Te levar, Rubão, Só Lazer, Vicios e Virtudes, Sino Dourado, a Banca, Tudo pro Alto, Proibida pra Mim.Quinta-Feira, Pontes indestrutíveis, Eu protesto, Descubra o que há de errado com você, o lado certo da vida errada, Champagne e Agua benta, dias de lutas e dias de glória, Uma criança com o seu olhar.

#crônicas #música

CONHEÇA HUARAZ

O PARAÍSO NATURAL PERUANO

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • instagram_PNG11
  • Tumblr Social Icon
  • Spotify Social Icon

REDES SOCIAIS

Foto: Abrindo a Cabeça logo
Foto Leonardo Spagiani Paduan

ABRINDO A CABEÇA

  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round

DICAS DE VIAGEM, CULTURA, CURIOSIDADE DE DESTINOS TURÍSTICOS, HISTÓRIAS DE MOCHILÃO E MUITO MAIS