Que o Amor vença o Ódio. É hora de MUDAR!


Todo dia o coração sofre um novo choque com as barbáries da sociedade e tem espasmos de esperança. Num dos últimos dias do ano passado, o senhor Luiz Carlos Ruas, o Índio, foi espancado até a morte. Qual motivo? O corajoso e heroico homem foi defender duas travestis moradoras de rua que estavam sendo agredidas por dois homofóbicos.

No início da semana, o ator Leonardo Vieira foi vítima de insultos e ataques. Por que? Por um simples ato de AMOR! Por um beijo, uma demonstração de carinho. Ainda essa semana, uma história de filme de terror estampou o jornal, apareceu nos principais telejornais e foi comentado em todas as redes sociais, o jovem chamado Itaberlly Lozano foi morto a facadas, pelo padrasto e pela própria mãe. Após, a morte o jovem teve o corpo incendiado. Por que? Entre as “Justificativas” da mãe, Itaberlly levava homens para casa.

É triste ver que 2016 acabou e 2017 começou do mesmo jeito. Parafraseando Gabriel, o Pensador a homofobia, preconceito e discriminação em geral é uma burrice coletiva sem explicação. Afinal, que justificativa você me dá para um povo que precisa de união, mas demonstra claramente, infelizmente, preconceitos mil, de naturezas diferentes. Mostrando que essa gente do Brasil é muito burra.

Na contramão da ignorância social, o Leonardo Vieira, tomou uma atitude de abraçar a causa e tem buscado quebrar paradigmas e colocar o dedo na ferida dessa sociedade burra. O melhor da história é seu pai, que é católico e de família conservadora, escreveu uma carta demonstrando seu apoio e o orgulho que sente dele pela sua luta e por integridade.

A carta do pai do ator é um desses espasmos de esperança diário que o coração recebe. Esta carta além de mostrar o apoio de um pai ao seu filho e a comunidade LGBT, é um recado claro que nós devemos ser como o “Índio” e defender o próximo seja quem for. Afinal, a vítima de homofobia pode ser qualquer um: conhecidx, amigx, irmã (o), um filhx. Por um mundo com menos mães e padrastos de Itaberlly Lozano e mais “Luiz Carlos Ruas” e pais do Leonardo Vieira.


#Pracegover: Imagem colorida. No canto direito um punho fechado pintado com as cores da bandeira LGBTT e com símbolo de gays e lésbicas no punho. No canto esquerdo escrito em colorido "Que o Amor Vença".

#direitos #sociedade #causasocial

CONHEÇA HUARAZ

O PARAÍSO NATURAL PERUANO

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • instagram_PNG11
  • Tumblr Social Icon
  • Spotify Social Icon

REDES SOCIAIS

Foto: Abrindo a Cabeça logo
Foto Leonardo Spagiani Paduan

ABRINDO A CABEÇA

  • b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round

DICAS DE VIAGEM, CULTURA, CURIOSIDADE DE DESTINOS TURÍSTICOS, HISTÓRIAS DE MOCHILÃO E MUITO MAIS